Resenha da série: How to get away with murder

Primeiro episódio: 25 de setembro de 2014
Número De Temporadas: 3
Emissora original: American Broadcasting Company
Criador: Peter Nowalk
Prêmios: Prêmio Emmy do Primetime: Melhor Atriz em Série Dramática.
Sinopse 1ª temporada: A serie se desenvolve ao redor da vida pessoal e profissional de Annalise Keating, uma advogada de defesa criminal proeminente. Também professora de direito na universidade de Middleton, na Filadelfia. Annalise seleciona cinco dos seus melhores alunos para trabalharem com ela em seu escritório: Wes Gibbins, Connor Walsh, Michaela Pratt, Laurel Castillo e Asher Millstone. Quando Annalise vê que sua vida pessoal e profissional começa a entrar em colapso, ela e seus alunos se vêem envolvidos, involuntariamente, em uma trama de assassinatos.

MATT MCGORRY, KARLA SOUZA, AJA NAOMI KING, ALFRED ENOCH, JACK FALAHEE, VIOLA DAVIS, LIZA WEIL, BILLY BROWN, CHARLIE WEBER

Que tal se tornar um estudante de direito e acabar envolvido em assassinatos “sem querer querendo”? Isso mesmo, melhor limpar todas as evidências e dar um jeito de adulterar a cena do crime, ou então, bye bye.

HTGAWM é uma série de drama-mistério produzida pelo canal ABC e vou te contar, prende você do inicio ao fim com os malditos mistérios. Nunca fui muito fã de series policiais ou que incluam a área do “direito”, mas tomada por uma indicação de um amigo acabei sendo persuadida e em três dias conclui as duas temporadas disponíveis na netflix. (por mais amigos com poder de persuasão e bom gosto,please).

Screenshot_20170715-232305.png

A serie vai nos envolvendo com vários mistérios ou poderia dizer “sub-mistérios”? pois um mistério leva a outro e por aí vai, você irá ficar se questionando o tempo todo e tudo que você quer saber é “O que aconteceu?” “Quem matou?” “ele ou ela?” “O que diabos eles estão fazendo?”, então é bom preparar a ansiedade e deixar a serie tomar conta.

A primeira temporada baseia-se principalmente no assassinato de uma jovem que foi colocada numa caixa d’água e esse caso acaba afetando a vida de praticamente todos os protagonistas, caso que vai sendo explicado aos poucos com a ajuda de flashbacks. Mas de todo modo, só descobrimos o que realmente aconteceu lá pelos últimos episódios e mesmo assim a trama se sustenta, enquanto isso só temos alguns fragmentos do acontecimento a cada episodio e conhecemos mais dos cinco estudantes. Esses cinco estudantes com suas características muito distintas são escolhidos por Annalise para trabalhar em seu escritório, poderíamos dizer que é  isso que chamamos de tragédia disfarçada de benção.

Poderia ser só simplesmente uma serie comum, uma advogada que atende seus clientes, nos apresenta sua vida e só, mas ainda bem que não é, a série é um complexo emaranhado de histórias que causam coceirinhas de curiosidade o tempo todo.

Abrindo espaço pra falar da fabulosa atuação da Viola Davis (Annalise Keating), claro. Nós vemos uma advogada impetuosa, capaz de tudo para defender seus clientes. Há momentos em que você vê sangue em seus olhos, também há momentos que você se questiona o quanto gosta dela, mas acredite, ela é invejável. Ela é forte, corajosa, manipuladora, inteligente, ardilosa? sim, mas por trás de toda a pose durona nós conseguimos enxergar o emocional da personagem, os seus conflitos internos a sós.

A serie também ganha pontos ao conseguir retratar uma gama de assuntos “polêmicos” que muitos fecham os olhos, assuntos como o racismo e o estrupo, além de ser uma serie onde claramente podemos notar o riquíssimo quadro de personagens, temos três protagonistas negros, protagonistas homossexuais, tridimensionais  e até uma garota mexicana. Então,  é um show de REPRESENTATIVIDADE. E isso falta em muitas séries.

Se você está afim de dar um passeio com personagens complexos, cenas de crime, reviravoltas, sexo e um drama nada básico, sugiro que comece logo.

Sobre a segunda temporada? Só fiquem com essa.

Screenshot_20170715-232715

E foi! hahaha Um HINOOO de série!

Beijos.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s