Uma carta às mulheres negras

Bom, primeiro que você deve está se perguntando: “Quem é você na fila do pão pra falar sobre a mulher negra?” “Uma branca e loira? Me poupe.” Sororidade amiga (o), sororidade. E empatia também.

Eu cresci vendo pessoas da família me ensinarem que os negros são “porcos” e que “onde tem nego, tem assalto”, que os negros são “cabelo de pixain” e que “lugar de nego é na senzala” Pasmemmmm, chocante né?

Talvez pra você, branco e heterossexual da classe média alta, isso seja engraçado. Mas, NÃO É.

Eu cresci aprendendo isso, e só eu sei o quanto a educação me fez entender aos pouquinhos quem eram os porcos nessa história, e não eram os negros.

Sou mulher, e eu sei o quanto as mulheres sofrem pra serem aceitas. Pra serem simplesmente, mulheres. Com seu espaço e sem delimitações. Imagina aí então como deve ser pra mulher negra? Aquela que ouve todos os dias que cabelo bom é liso e frases como: “você pra ser negra até que é bonita”, “É uma negra linda” ou “negras são boas pra pegar” e uma infinidade de coisas do tipo.

Forte. Eu posso imaginar como deve ser, eu que sou branca e loira já fico perguntando qual o meu problema e me achando só… Imagina vocês, mulheres negras que lutam contra o impulso de deixar de ser vocês só pra agradar os outros e ser “aceitável”, por que no fim das contas, eu sei o quanto isso deve machucar e o pior, isso nunca vai ter um fim porque a sociedade será uma eterna bosta.

Machuca por dentro cada palavra que é dita, seja ela seriamente ou em tom de brincadeira. (aliás, nem tem essa de brincadeira. Não se brinca machucando pessoas).

E eu fico puta da vida (peço licença para o palavriado haha) quando as pessoas dizem que isso é mimimi ou vitimismo. Vitimismo uma ova! As pessoas já acham que é normal fazer piadinhas e querem que engula sem dizer nada. Que é tudo drama. NÃO. NÃO É. E eu estou com vocês, por que se tem uma coisa que eu aprendi com o feminismo, foi a dar as mãos uma as outras…

Não, nós não vamos deixar passar. Não vamos engolir. Nós somos uma revolução, e se o seu pensamento continua tão debilitado, a gente sugere que você cresça.  Cresça, baby!

Mulheres negras; vocês são lindas, são únicas e eu sei que tem quem seja um doce, calmaria e poesia, assim como tem aquelas mar revolto, que é furacão e diz na lata tudo o que quer. E é assim, são as diferenças que nos tornam únicas.

A todas as mulheres negras que já foram vitimas do racismo nojento de nossa sociedade e que dia após dia lutam contra isso. Força, vocês são incríveis.

Vocês são como o céu noturno que encanta todas as noites com seus olhinhos brilhando e brilhando dia após dia. 
 
Ps. Em especial para minha prima @mayara.s.sa
 tumblr_o2d5rh35ra1th191zo1_500

3 comentários em “Uma carta às mulheres negras

  1. Falou tudo cara. Não tem porque não “permitirem” que sintamos empatia, e que apoiemos a causa, mesmo que não seja a nossa, ou que não estejamos inclusa no grupo. Tenho tantas amigas e vejo como elas ficam boladas com esses rótulos idiotas. Não faz o menor sentido.
    Felizmente conhecer mulheres negras super inspiradores e batalhadoras, além de inteligentes. Chega dessa rotulação besta. =) Graças a Deus nascemos mulheres *-* E pra quem não gostar, a gente vai encarar!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Awwwwn, essas leitoras que me matam de orgulho. É exatamente isso, cara! A gente tem q agarrar causas sempre q houver um oprimido, mesmo q n seja nós. Te amo, fui. heueheu ♡

      Curtir

  2. Texto lindo, a união faz a força haha, esse texto mostra como a educação e a empatia pode nós transformar em seres humanos melhores. Por mais pessoas assim.
    P.s: muito obrigada pela dedicatória, juntas somos mais fortes. 😚

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s